sábado, setembro 24, 2016

(a) Riscar o Património 2016 | Fenais da Luz

A 3ª edição do (a) Riscar o Património em São Miguel ocorreu, antecipadamente, a 11 de setembro para se integrar nas Festas da Senhora da Luz | FENAIS DA LUZ, freguesia do Conselho de Ponta Delgada. 


Esta edição do (a)Riscar coincidiu com o 18ª Encontro USk PORTUGAL Açores e começou com uma oficina de iniciação ao desenho em cadernos. Encontrámo-nos no Centro Cultural de Fenais da Luz. A entrada de luz na sala dificultou a projeção de imagens e tivemos de improvisar, parece que foi melhor assim porque passámos diretamente à práticaonde se lançaram alguns exercícios que visavam o melhoramento da observação e segurança na escrita...

Os mais novos estiveram empenhadíssimos...


Depois de concluirmos os trabalhos dirigimo-nos ao núcleo museológico onde nos presentearam com algumas iguarias locais. Almoçámos e estivemos um bom bocado à conversa. A receção aos USk  foi muito afável e acolhedora. Fizemos uma visita guiada com histórias contadas a acondicionar os objetos, algumas destas hitórias apelam para a necessidade de se fazerem registos sonoros que possam um dia mais tarde perpetuar saberes e costumes que tendem a desvanecer-se.





















 


Alguns foram embora a seguir ao almoço e os que ficaram começaram a desenhar os preparativos da procissão da Senhora da Luz...



Dirigimo-nos ao centro, o largo estava perfumado com um forte cheiro de vinho doce que se misturava com o de outras frutas. As pessoas começaram a juntar-se...



O Largo da igreja preparou-se para a procissão, a festa desenvolveu-se em duas camadas (profana e religiosa), mas o importante é que as ruas se revestiram de flores e todos ajudaram (até os nossos mini sketchers participaram) na feitura dos tapetes.
O ar estava perfumado com essências diversas. Identificava-se o aroma do vinho doce misturado com o das frutas que por ali proliferavam em pequenas bancas improvisadas.



Enquanto o centro se apressava,  o «bairro» - um pouco mais afastado -  também se enfeitava para receber a imagem com devoção. O esmero e preceito foram convocados pela recente conquista  que todos fizeram por merecer.

  



Fomos-nos misturando com as pessoas... e fomos desenhando o percurso e as pessoas aqui e ali... já estávamos muito cansados e à medida que alguns se iam embora tiramos fotografias de grupo para não ficar ninguém de fora...


Este foi o meu último desenho, ao passar do andor... gostei muito da experiência e acabei exausta de tanto desenhar!

(Graph'it shake, Graph'it fine Liner, lápis de cor e aguarela)                                                                                                                                                               |«in situ»|

2 comentários :

jorge vila nova disse...

Muito bom.
Um dia certamente bem passado, estimulante e produtivo.
Parabéns pela organização.

Abraço

jvn

Alexandra Baptista disse...

Obrigada Jorge, foi um prazer enorme colaborar convosco e interagir com os Fenais, uma descoberta em vários sentidos!!